Sobre o Autor

Confira dicas para manter o bem-estar no trânsito

07/04/2017 Por:

Você sabia que ontem foi o Dia Nacional de Mobilização pela Promoção da Saúde e Qualidade de Vida? Como o próprio nome já diz, a data foi criada para promover práticas saudáveis e melhorar nossa qualidade de vida. Pegando carona nessa ideia, separamos algumas dicas para ajudar os nossos leitores a ter hábitos mais saudáveis e aumentar o bem-estar dentro e fora do trânsito. Olha só:

– O cuidado com a postura é muito importante. Afinal, ninguém gosta de ficar com dor nas costas, né? Uma ótima dica é aproveitar os congestionamentos para se alongar: mexer o pescoço, os punhos e flexionar e estender os pés. Além disso, a boa é tentar manter a coluna reta e encostada no banco.

– Para manter a atenção no volante é recomendável ter uma boa noite de sono. De preferência, de sete a oito horas dormindo. Assim, dá pra ter mais disposição e energia durante as viagens.

– Ouvir música é uma opção que pode ajudar a reduzir o estresse. Só não vale colocar o volume nas alturas, porque acaba tirando a atenção no trânsito;

– Praticar atividades físicas com frequência e manter uma alimentação mais saudável – com frutas, verduras e pouca gordura – ajuda a diminuir o risco de doenças e aumenta a qualidade de vida. Que tal trocar o carro pela bicicleta pelo menos uma vez por semana e começar a se exercitar? Acordar um pouco mais cedo para caminhar no fim de semana também conta! 😉

E aí? Quais dessas dicas você vai adotar no seu dia a dia?

Conta pra gente nos comentários o que você faz pra ter uma vida mais saudável! No próximo post sobre o assunto a gente compartilha a sua sugestão. 😉

Conheça os parklets, as minipraças das cidades

03/04/2017 Por:

Qual foi a última vez que você saiu de casa, foi para um parque ou uma praça da sua cidade e curtiu o tempo livre? Se não consegue se lembrar, fique tranquilo. Você não está sozinho nessa! Com o dia a dia cada vez mais corrido, a gente fica mesmo sem tempo pra aproveitar espaços públicos bacanas em nossas cidades.

Foi nesse cenário que surgiram os parklets, minipraças construídas próximas às calçadas ou em vagas de estacionamento com o objetivo de melhorar o uso do espaço público e oferecer um lugar de convívio entre as pessoas.

Por ser uma área de lazer e convivência, o parklet aumenta a interação social e estimula a prática da caminhada. Em alguns casos, o espaço ainda pode ter bancos, floreiras ou equipamentos de ginástica.

A ideia surgiu em 2005, na cidade de São Francisco,nos Estados Unidos. No Brasil, a primeira cidade a receber as minipraças foi São Paulo, em 2013, por uma iniciativa da ONG Mobilidade Verde. Hoje, cidades como Rio de Janeiro e Salvador também já aderiram à novidade.

Além de estimular o convívio público, o parklet tem outras vantagens. Olha que legal:

– Contribui para a sustentabilidade das cidades, pois é feito com material sustentável;

– É prático, já que as peças são pré-fabricadas e desmontáveis;

– E também dá aquela mãozinha para o comércio local, já que atrai visitantes em busca de uma experiência agradável. 😉

E você? Toparia passar uns minutinhos nos parklets? Tem alguma iniciativa parecida onde você mora? Conta pra gente! 😉