06/12/2017 Por:

Um trânsito melhor: uma causa mundial

Vale a pena perguntar o que os diferentes países do mundo estão fazendo para diminuir os acidentes de trânsito? A resposta é sim, já que os acidentes, infelizmente, são um problema global. 🙁

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), em levantamento feito em 178 países, o trânsito é a nona maior causa de mortes do planeta. Sem campanhas de conscientização, a OMS estima que 1,9 milhão de pessoas devem morrer no trânsito em 2020 (passando para a quinta maior causa de mortalidade) e 2,4 milhões em 2030. Pensando nisso, a ONU lançou, em maio de 2011, a Década de Ação pela Segurança no Trânsito 2011-2020, na qual governos de todo o mundo se comprometem a tomar novas medidas para prevenir os acidentes no trânsito. A gente nem precisa dizer que essa ação é bem bacana, não é, galera? 😉

Mas agora, vamos às curiosidades sobre o universo dos acidentes de trânsito no nosso país e ao redor do globo. Vocês sabiam que o Brasil aparece em quinto lugar entre os países recordistas em mortes no trânsito? É isso mesmo! Nosso país fica apenas atrás da Índia, da China, dos Estados Unidos e da Rússia.

Já no cenário europeu, a realidade muda um pouquinho, já que, por lá, a segurança no trânsito, além de ser protagonista, é uma realidade. Desde 2010, foram registradas 17% menos mortes, uma grande conquista. A União Europeia elaborou um plano estratégico por mais segurança no trânsito que está surtindo efeito. Entre as medidas previstas, estão o aprimoramento do desenho das vias para mais segurança, tecnologia, fiscalização e educação dos condutores. Podemos seguir os bons exemplos por aqui, não acham?

A Espanha, por exemplo, está hoje entre os dez países com menores índices de acidentes fatais no mundo e é o quinto na Europa, atrás apenas da Suécia, Reino Unido, Holanda e Dinamarca. Sabe qual foi o segredo? Aplicar políticas públicas eficazes e controles rigorosos, acompanhados de campanhas de educação e prevenção permanentes, infraestruturas de qualidade e ferramentas eletrônicas que ajudaram bastante na fiscalização. A gente destaca também o fortalecimento das instituições associadas ao trânsito, a modernização e reforma da rede de estradas do país.

Aqui no Brasil, ainda estamos dando passos lentos para a redução dos acidentes de trânsito, mas podemos destacar algumas iniciativas bem bacanas. Uma delas é o Projeto Vida no Trânsito (PVT), criado em resposta à Década de Ações pela Segurança no Trânsito 2011 – 2020 proposta pela ONU e coordenada pelo Ministério da Saúde, em uma articulação interministerial e em parceria com a Organização Pan Americana da Saúde (Opas). Seu foco está no desenvolvimento de ações em dois fatores de risco no país: dirigir após o consumo de bebida alcoólica e velocidade excessiva e/ou inadequada.

Por aqui, ficamos muito felizes que ações globais estejam sendo pensadas e colocadas em prática. E você, o que acha de todas essas iniciativas? Conta para a gente aqui nos comentários. \o/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *